21 de jan de 2012

Sabão de polpa de coco


processo frio - produto VEGAN 


É na polpa do coco (Cocos nucifera L.) , denominada copra, onde encontramos o maior percentual de  lipídeos dessa fruta tão saborosa.
O processo de extração da gordura do coco pode ser feito também de forma artesanal, como explico aqui mas, dessa vez, experimentei fazer diferente, ou seja, através da saponificação do óleo contido na copra já no processo da elaboração do sabão, como já fiz com outros ingredientes com alto teor oleoso e como costumo fazer com a polpa do abacate testada e aprovada e com explicações aqui.

Iniciei meu sabão elaborando a receita normalmente,colocando as gorduras que seriam utilizadas, incluindo o % de óleo de coco que está presente na polpa do coco e finalmente o álcool que, como sabemos, altera algumas das qualidades finais do sabão, inclusive reduzindo a espuma.
Definido a receita e o perfil do meu sabão, com os índices conforme meus interesses, parti para a segunda etapa,preparar uma tintura com a polpa do coco já que não queria utilizar a fibra do coco no sabão.

detalhe polpa do coco ( copra) - imagem google

Tintura de polpa de coco:

Por informações retiradas de artigos sobre o estudo da fruta coco ( Cocos nucifera L.), na existência de uma variante sobre o teor de lipídeos presente na polpa da fruta entre 54 e 30,4g, estipulei para minha tintura, um valor médio de 42,2g de óleo de coco presente em cada 100g de polpa, e finalmente calculei o peso necessário de polpa para atingir o peso de óleo de coco colocado na minha receita.
Acrescentei o álcool de cereais, considerado por alguns um solvente bipolar e completei com a água do próprio coco, que cobriu totalmente a polpa já triturada ( caso não cobrisse, acrescentaria água destilada para completar, mas nesse caso não foi necessário).
Temperei a tintura com cascas de laranja e limão siciliano e alguns poucos cravos.
Após transcorrido o tempo de maceração (40 dias), como não queria utilizar a fibra da fruta, expremi a tintura em pano de algodão esterilizado,  obtendo um líquido bem gorduroso e leitoso com um aroma realmente diferente e exótico.
A fibra do coco foi aquecida em banho-maria para liberar o restante do óleo de coco que foi separado e finalmente acrescentado à tintura que ficou em pote aberto para reduzir parte do álcool utilizado.

composição do sabão de polpa de coco:

saponificação dos óleos de coco (presente na polpa do fruto), palmiste orgânico, milho, rícino,cera de copaíba e ác. esteárico vegetal.
aditivos: tintura reduzida de polpa de coco ( contendo o óleo e a água da polpa da fruta e parte do álcool temperado com especiarias), dióxido de titânio, vit.E, mix de extrato glicólico antioxidante com o. essenciais de laranja, cravo, limão siciliano e lavandim.
Decorado com raspas de sabão 100% oliva colorido com argila rosa.








6 comentários:

Ana (nutxi) disse...

Qué blanco!! Me encanta!! Besos!

flor da pele disse...

Gracias Ana.Eres un sol!
Besos.

Xaboi Punpuila disse...

Te ha quedado mu bonito y sencillo!

flor da pele disse...

Obrigada pela visita e comentário tão delicado.
Beijos.

Jabón y agua disse...

Muchas gracias por tu explicación. En cuanto pueda hago uno como este, a ver si me queda como el tuyo.
Gracias por la explicación.

flor da pele disse...

Maria,
Vou aguardar seus resultados.
Besos.

Postar um comentário