29 de abr de 2011

Como fazer sua própria base de glicerina

detalhe sabão base de glicerina

Parâmetros utilizados baseados em matéria didática sobre elaboração de produtos de higiene - Projeto Gerard - fornecida pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná – Brasil.


Para obtermos nossa própria base de glicerina, sem adições de produtos sintéticos,é necessário fazermos alguns cálculos e  termos paciência para descobrirmos os percentuais ideais que mantenham as qualidades de um sabão normal, como dureza, espuma com persistência, limpeza e condicionamento, acrescidas da durabilidade e transparência que um sabão de glicerina deve ter sem contudo perder a qualidadade da espuma.
A base glicerina que coloco nessa postagem pode ser feita com a nossa própria fórmula do sabão do dia a dia, bastando adicionar determinados percentuais de solventes  como  álcool, glicerina e solução de açúcar.
Devemos levar em conta que os sabões de glicerina para serem transparentes devem ter uma concentração de 40 a 60% de peso em solventes para 40 a 60% de peso de sabão base inicial.
Quanto mais solvente mais transparente o sabonete, contudo menos espuma e mais rápido se gastará, isto devido a menor quantidade de massa de sabão contido em seu peso. Outros problemas podem surgir tais como, o sabão ficar mais macio que o desejado ou suar em ambientes úmidos.


A proporção que utilizei no meu teste inicial continuou sendo a minha preferida:
50 % massa sabão para 50% de solventes, onde:


1- massa de sabão é a soma dos pesos das gorduras da fórmula somado com o peso do hidróxido de sódio seco.
2- 50% de solvente, divididos em:

.Álcool ( 12% a 14% do peso total) – menos que 12% não dá transparência e mais do que 14%, o sabão encolher muito e fica com pouca espuma.
.Açúcar ( 8% a 14% do peso total) – mais que 14% deixa o sabão mole e suando, acaba rapidamente.
.Glicerina(8% a 14% do peso total) - mais que 14% deixa o sabão mole e suando,acaba rapidamente.
.Água ( 12% a 20% do peso total) – mais que 20% o sabão fica mole.


Peso final do sabão base glicerina:
peso das gorduras do sabão + peso do hidróxido de sódio seco + peso dos solventes.


Como exemplo, coloco uma das minhas receitas de sabão, acrescida dos solventes, para chegarmos finalmente em um sabão base de glicerina:
Oliva – 228 g
Babaçú – 43 g
Mant.karité-45 g
Ac.esteárico-50 g
Cera abelha-7 g
Rícino- 39 g
NaOH: 51 g ( utilizei um sobre engorduramento de 10%) para atingir meus objetivos de dureza, espuma, persistência , limpeza e condicionamento.
água necessária para diluir NaOH  ( 33%) - 103 g

Total peso gorduras + peso NaOH (seca) = 463g


Calculo do peso do sabão base transparente com 50% de sabão base inicial + 50% solventes:
463g x 2 = 926g

Calculo dos solventes ( os percentuais também foram escolhidos de acordo com meus objetivos com relação a dureza, espuma, persistência da espuma, limpeza e condicionamento), o importante é somarem 50%:
Álcool - 12% de 926g = 111 g
Açúcar - 9% de 926g = 83 g
Glicerina - 13% de 926g = 120 g
Água - 16% de 926g = 148 g
Total = 12%+9%+13%+16% = 50%.




OBS: PARA UMA TOTAL TRANSPARÊNCIA É IMPORTANTE NÃO EXISTIR EXCESSO DE NaOH OU EXCESSO DE ÓLEOS – Nesse caso eu não testei, pois prefiro um sabão com menos transparência mas aproveitando as propriedades dos óleos no SE.


Preparo ( semelhante aos utilizados para elaboração de sabões no processo quente):
Utilizar equipamento de proteção como máscara contra gases tóxicos, luvas de borracha,etc conforme postagem indicada no final do tópico.

 
Aquecer óleos e derreter gorduras  em separado +/- 70º C.
 Preparar lixívia ( NaOH + água destilada) e quando estiver com a soda cáustica totalmente dissolvida misturar os óleos e gorduras já aquecidos,colocar em banho-maria e mexer até alcançar trace / traza com uma mistura homogênea.



detalhe elaboração sabão base glicerina

Tampar e deixar em banho-maria por cerca de 1h ( no meu caso,não foi necessário mexer),quando a massa estiver totalmente gelificada (creme semitransparente) apagar o fogo mas permanecer com a panela em banho-maria e misturar 1/3 da solução água+ açúcar ( previamente aquecida em banho-maria para não amarelar e ter certeza do açúcar estar bem diluído), continuar mexendo e adicionar o álcool lentamente, misturar até que esteja totalmente integrado e a massa do sabão dissolvida.
É IMPORTANTE NESSA FASE, ESTAR COM O FOGO DESLIGADO,CUIDADO COM O ÁLCOOL!

Voltar a acender o fogo do banho-maria e continuar misturando até a massa ficar totalmente homogênea.Finalmente misturar o restante da solução água+ açúcar e a glicerina. Mexer lentamente para evitar a formação de espuma, retirar do banho-maria e deixar descansar,com a panela tampada até que a massa não tenha mais bolhas de ar em seu interior e fique transparente.

Finalmente, coar diretamente no molde já borrifado generosamente com álcool, levar à geladeira em seguida por algumas horas e desenformar.
Deixar em local arejado por 1 a 2 semanas, para que aconteça a cura total, secando e evaporando o álcool.


Dessa forma, estou fazendo minhas próprias receitas de sabões de glicerina, com as características mais adequadas aos meus interesses,guardando a base já pronta e quando necessário, derretendo e acrescento os aditivos escolhidos para o sabão final.
É importante destacar que:
1.Utilizo sempre álcool de cereais ( 70º) e com isso diminuo a evaporação que ocorre no processo.( interferindo também na transparência do sabão)
2.Essa receita modelo,possui um valor de SE = 10%,também interferindo na transparência do sabão mas, prefiro ter um sabão de glicerina translúcido com as propriedades que considero adequadas.

Já utilizei esse percentual de 50% de solventes em várias receitas, sempre controlando os respectivos percentuais de cada solvente dentro dos parâmetros acima descritos e mantendo desse modo, os índices que indicam o perfil do sabão dentro dos meus objetivos.


sobre os equipamentos necessários para fazer sabões

25 de abr de 2011

Sabão de Baunilha



processo frio - produto vegan
Esse sabão realmente ficou muito original,depois de cortado, os pedaços ficaram parecendo madeira escura entalhada.
Seu aroma é pura baunilha mas, para obter esse aroma, foi necessário uma longa espera para que os solventes extraíssem  todos os componentes presentes nas favas de baunilha que, além do aroma delicioso e afrodisíaco, possuem características umectante, bactericida e tônica.

Composição:
saponificação dos óleos de amendoim,babaçu,linhaça,oliva,manteiga de karité, palma orgânico e ác.esteárico vegetal.

aditivos:
macerado de favas de baunilha em manteiga de amêndoas, extrato de favas de baunilha, extrato de canela,cravos e cítricos, vitE, vit.C e tintura de benjoim.




imagem google
 Sobre a  baunilha(Vanilla planifolia):
A baunilha é uma orquídea -  planta trepadeira.
A parte utilizada para extrair o aroma está nas sementes contidas nas vagens que sofrem um processo de secagem para concentrar o aroma.É do interior da fava da baunilha que saem os minúsculos grãos que exalam um cheiro perfumado, doce e delicado da baunilha autêntica. A substância química que dá o aroma da baunilha é a vanilina.
A classificação da baunilha, destina ao comércio, baseia-se no tamanho da vagem, aroma, cor, conteúdo de umidade, consistência e sanidade (livres de manchas, infestações de insetos e míldio).
A baunilha contem em sua composição os ácidos acéticos, ácidos vanilil etílico, açucares, álcool etílico, ceras, cinamato, eugenol, fermentos, furfurol, gorduras, mucilagens, resinas, taninos e a vanilina.




fonte:
 http://www.iac.sp.gov.br/Tecnologias/Baunilha/BAUNILHA.htm

15 de abr de 2011

Sabão de Abacate e Manga com avaliação brasileira!

processo quente - produto quase vegan

Uma verdadeira delícia!
Duas das minhas frutas preferidas para aditivar os sabões.Promovem uma hidratação perfeita para a pele, na dose certa, tanto para o rosto quanto para o corpo.


composição:
saponificação dos óleos de amêndoas,amendoim,babaçu,oliva,palma orgânico,ácido oleico e ácido esteárico vegetal e manteiga de karité.
aditivos:
polpas de abacate e manga, infusão de sálvia, tomilho e louro em o. oliva e o. de linhaça, vit E, vit.C, extrato de limão e laranja, mel, blend de óleos essenciais cítricos com citronela.
Decorado com mix de argila verde, spirulina e extrato de laranja e limão.

benefícios das polpas de abacate e manga nos cosméticos:
A polpa do abacate é rica em proteínas ( 1 a 3 %),vitaminas A,B1,B2,D,E e B5; também contém minerais ( potássio e magnésio). Auxilia na hidratação e proteção da pele, sendo naturalmente umectante e emoliente.


A polpa da manga contém cerca de 15% de açúcar, até 1% de proteína e quantidades significativas de vitaminas A,B e C além de minerais ( principalmente ferro). Possui característica antioxidante e emoliente.

Edito para acrescentar o link de um blog maravilhoso que completou recentemente dois anos de informações que nos ajudam a refletir sobre o nosso querido mundo.
Em agradecimento a tudo de bom que sempre encontrei no blog da Carol,enviei produtos flor da pele, inclusive o sabão de abacate com manga.
Para quem quiser conhecer o blog da Carol Daemon e suas opiniões e informações sobre diversos assuntos, inclusive, sobre os produtos flor da pele, basta conferir:

11 de abr de 2011

Sabões Brasileiros, muito obrigada!

detalhe dos sabões
Recebi uma maravilhosa surpresa que coloco aqui para vocês conhecerem.

Diversas amostras de sabões e sachês feitos por amigas saboeiras brasileiras que frequentam um grupo cujo tema está ligado aos sabões,cosméticos e perfumes botânicos feitos de modo artesanal, com  excessão do sabão da Mariana que é uma amiga saboeira portuguesa mas que faz parte desse mesmo grupo.
Antes mesmo de abrir o pacote já dava para sentir a mistura dos aromas.
Uma embalagem realmente perfumada!
Vendo assim,todos juntos, logo reparamos como cada sabão, naturalmente ,possui sua própria identidade, tanto nas variações de texturas e cores quanto nas composições e aromas.




sabões e sachês brasileiros

Começando pelos sachês da Carmem, cheirosos e bem feitos; logo ao lado o sabão esfera  de patchouli da Ju Monteiro - Natural da Terra Saboaria Artesanal - embalado em tecido com estampa de folhas, super delicado; em seguida, de argila preta ,o sabão livre de gorduras animais  da Bia Brejon; acima o sabão do Breno Maciel - Botanica Sabão, com uma composição super diferente com óleos de tucumã e buriti além da manteiga de murumuru, um verdadeiro luxo; continuando nessa mesma coluna, abaixo o sabão de cenoura da Mariana Franco - Toque de Seda Sabonetes Artesanais com a etiqueta laranja e a fita de palha,esse, português, com certeza.
Continuando nosso passeio pela foto,o sabão do Fábio Freitas - Du Don Artefatos Manuais - embrulhado também em tecido,com um aroma sofisticado; acima encontramos o sabão de laranja e chocolate da Anandyn - Sabonetes e Afins com óleo de algodão entre outras delícias; e logo acima o sabão de morangos silvestres da Tati, com um lindo moranguinho gravado no próprio sabão.
Finalmente, a coluna da esquerda, onde dentro da embalagem de organza estão dois lindos sabões da Izabel feitos com manteiga de cupuaçu e logo acima o sabão de laranja com especiarias da Cristiane Corrêa.
Os demais que também estão acima, são maravilhas feitas pela Mara Maria como o de jasmim,de lavanda,hortelã,sexy peel  e folhas de figo em uma linda tonalidade de azul,todos deliciosamente perfumados e com maravilhosas composições.


detalhe dos sabões e sachês

Agradeço a todos que me enviaram pedacinhos dos seus amores e principalmente a administradora e coordenadora desse maravilhoso grupo Mara Maria, muito obrigada!




contatos Sabões brasileiros:
Anandyn - Sabonetes e afins - fadym14@gmail. com
Bia Brejon - bbrejon@yahoo.com.br
Breno Maciel - Botanica Sabão - http://www.flickr.com/photos/botanicasabao/
Carmen - sachês e aromatizadores - carmenluciax@ hotmail.com
Cristiane Corrêa - cris.hcorrea@gmail.com
Fábio Freitas - Du Don Artefatos Manuais - du.don@hotmail.com
Izabel - mizabelcy@yahoo.com.br
Ju Monteiro - Natural da Terra saboaria Artesanal http://www.elo7.com.br/armazemnaturaldaterra
Mara Maria - Kymeia Produtos e Acessórios para Banheiros e Ambiente- http://www.flickr.com/photos/kymeiaprodutoseacessoriosparabanhoeambiente/
mara_m511@yahoo.com.br      
http://www.elo7.com.br/bemnaturalsaboaria/
Mariana Franco - Toque de Seda Sabonetes Artesanais ( Portugal) - http://www.flickr.com/photos/35416243@N05/
Tati - http://www.flickr.com/photos/artedatati/
tatiane.nutri@yahoo.com.br
   

6 de abr de 2011

Uma avaliação internacional!

sabão cremoso de pasta de azeitonas negras


Recebi, no início deste ano, um delicado convite para enviar um dos meus sabões para ser avaliado pelo blog Cocobog, um maravilhoso blog que possui, como destaque, análises sobre as qualidades e defeitos de sabões artesanais de todo ou, quase todo,nosso querido mundo.
Fiquei muito feliz já pelo convite,independente das possíveis avaliações e enviei alguns dos meus sabões,incluindo o sabão cremoso de pasta de azeitonas negras.



detalhe do sabão



Devo confessar que continuo ansiosa para saber os resultados obtidos por essa avaliação, afinal as diferenças climáticas, como temperatura e umidade, podem influenciar na apresentação de sabões artesanais e naturais como também, as diferenças na água de cada local, podem alterar resultados com relação a espuma e sua durabilidade enfim, são variantes que fazem parte das inúmeras diversidades no nosso mundo.
A esperada avaliação ainda não pode ser feita, inclusive fui avisada que seria demorada já que muitos outros sabões estavam e estão na espera mas, para minha surpresa, hoje, encontrei o que já considero um prêmio:

O blog Cocobong,dentro de seu recente post,colocou um relato especial sobre o meu sabão cremoso de pasta de azeitonas negras, independente da avaliação prometida.

"....The other eyeopener came from the lovely Sonia of Flor da Pele, all the way from Brazil, whose soapy creations I will be reviewing shortly. Sonia has composed this amazing cleanser, inspired by the West African black soap, Dudu Osun. Among many skin beneficial components, her paste contains crushed black olives infused in olive oil, black clay and copaiba oleoresin, a native of her country.
Sonia's version of black soap comes with the deeply herbal scent of rosemary, peppermint and cypress. I've been using it as a facial cleanser, applying it on dry skin, working it into a mild, creamy lather with wet hands, leaving it on for a bit, and rinsing it off with warm water. Face feels revived, conditioned, smooth and looks peachy clean. I adore the scent as much as I love what it does for my facial complexion.

Ten thumbs up, Sonia, this one should sell like hotcakes!...."

As fotos, assim como a postagem completa que também faz comentários  sobre um dos sabões do blog Claudia's  Welt vocês podem ver diretamente no blog Cocobong .

Quero agradecer ao blog Cocobong a gentileza das palavras, as maravilhosas fotos comprovando que um sabão pode ter cremosidade com os ingredientes normais de um sabão em barra e, principalmente por ter me convidado, acreditando nos meus produtos.

Cocobong, tenha certeza que, apesar de estar esperando ansiosa pela sua valiação sobre os demais sabões enviados,realmente, eu já me considero premiada!
Muito Obrigada / Many thanks!!