31 de mar de 2011

Sabão batido de Lavanda



processo frio - produto quase vegan


Esse sabão foi feito em homenagem a minha amiga saboeira Texia que através do seu blog me ensinou a técnica do sabão batido.
http://sanganatural.blogspot.com/2010/06/jabon-batido.html

Devo confessar que fiz minha própria receita e que não segui seus conselhos de proporções de gorduras mas....a técnica foi exatamente como ela  explicou e ilustrou em seu blog e tudo saiu perfeito!
Na minha receita o total de gorduras sólidas ficou em 58% e das gorduras líquidas em 42%, diferente do recomendado mas, adequado para os meus propósitos com relação a condicionamento,limpeza,dureza, espuma e persistência.
Decorei, buscando potencializar os benefícios desse sabão,com pedacinhos de sabões elaborados com um alto percentual de ativos visando evitar os efeitos prejudiciais que o processo de saponificação causa em certas substâncias mais delicadas.





Composição:
gorduras sólidas:
ác. esteárico,óleo de babacú, manteiga de karité,manteiga de vaca e manteiga de cacau.
gorduras líquidas:
óleo de amendoim,óleo de oliva.
aditivos:
macerado de lavanda em óleo de oliva,extrato de lavanda e toronja,licor cosmético de lavanda,o.e de lavanda francesa e tintura de benjoim.
aditivos dos sabões encrustados:
vit E, vit C, extrato de baunilha e cacau, calamina, argila amarela, extrato de calêndula.

hidróxido de sódio
água

Modo como foi feito:
O processo batido é uma variação do processo frio.
Coloco aqui as etapas como eu fiz lembrand que, no blog sanga natural ,encontramos em espanhol , o passo a passo ilustrado desse mesmo processo.

1.dissolver bem a soda cáustica com a água e deixar esfriar completamente.

2. derreter as gorduras sólidas
3.aquecer as gorduras líquidas
4. derreter o ác. esteárico ( esse, como possui um indice de fusão alto, sempre derreto em separado) e misturar com as gorduras líquidas já aquecidas, mexendo bem para homogeneizar.
5. bater, com batedeira, as gorduras sólidas por 3 min e levar a geladeira.Repetir o processo até a mistura ficar dura com a textura de um merengue culinário.
6.misturar as gorduras líquidas e já cremosas ( por causa do ác. esteárico) pouco a pouco,para não perder o ponto de dureza, com as gorduras sólidas.Bater bem com a batedeira e levar a geladeira.
7.misturar, aos poucos, a lixívia ( soda cáustica + água) totalmente frias às gorduras geladas e totalmente homogêneas.
8.bater bem com a batedeira,no modo lento e tomando muito cuidado para não respingar .( colocar a vasilha dentro de um saco plástico para evitar possíveis respingos da lixívia quando usar a batedeira e estar protegida com o equipamento correto - luvas, óculos, roupa com mangas, etc)
9. deixar repousar 5 minutos antes de acrescentar os aditivos.
10. finalmente misturar os aditivos, sempre batendo com a batedeira e por último, misturando delicadamente com uma colher de pau, os pedacinhos de sabões aditivados.
11.enformar rapidamente e deixar descansar sem aquecer.

No meu caso, como fiz uma proporção diferenciada de gorduras sólidas/ gorduras líquidas, desenformei em 4h e cortei após mais 2h, somando um total de 6h depois do sabão ter sido colocado na forma.
Cortar com faca bem fina ou fio inox para não desfazer o sabão e manter os pedacinhos dos sabões coloridos no lugar (no meu caso, alguns caíram...)
Deixar curar, no mínimo, por 6 semanas.( aqui no Rio de janeiro é muito úmido)

sobre os equipamentos necessários para fazer sabões

26 de mar de 2011

Sabão de laranja e limão

processo quente - produto VEGAN



Adoro os aditivos cítricos nos meus sabões com seus aromas, suas propriedades hidratantes, antioxidantes, bactericidas, adstringentes entre tantas outras. Estou sempre fazendo uma nova combinação de ingredientes, seja nos macerados com os óleos que usarei no SE, seja nos aditivos através das inúmeras combinações de extratos e de óleos essenciais.
Nesse sabão , além da composição já possuir ingredientes cítricos, acrescentei também, incrustações de sabões de glicerina feitos com licor cosmético de laranja e de limão siciliano além da decoração com raspas de sabão de baunilha.
O aroma ficou super suave e refrescante,aliás esse foi um dos meus testes sobre fixação de aromas nos sabões, pois queria comprovar a possibilidade de manter aromas cítricos, que possuem notas altas, mesmo depois do sabão estar curado sem a adição de óleos essenciais com notas baixas que contribuem para fixar aromas.
Somente utilizei, para ajudar na fixação desses aromas tão voláteis, a tintura de benjoim e o macerado com sálvia entre outras ervas, estas com características conservantes.

O aroma suave é exclusivo do macerado dos vegetais e cascas dos cítricos somado  ao blend de óleos vegetais cítricos.

Composição:
saponificação dos óleos de oliva, palmiste orgânio e ácido esteárico vegetal .


aditivos : macerado de louro, mangerona, tomilho,alecrim, cascas de laranja e limão em o. oliva, vit E, extrato de limão e laranja, blend de óleos essenciais cítricos com tintura de benjoim.
Incrustado com pedaços de sabão de laranja e limão e decorado com raspas de sabão de baunilha.

4 de mar de 2011

Sabão de sal


produto vegan

Fui apresentada virtualmente ao sabão de sal pelo blog Jabón y Agua, através das maravilhosas "Rocas de Sal " feitas pela Maria. Fiquei super curiosa em descobrir seus benefícios e resolvi fazer a minha versão desse sabão tão diferenciado.

Muitas são as receitas do famoso sabão de sal encontradas na internet onde, a grande maioria coloca o peso do sal sendo equivalente ao peso total das gorduras utilizadas na fórmula do sabão.
Resolvi criar minha própria receita atendendo as minhas exigências com relação ao condicionamento e dureza, sem contudo,perder as características próprias desse sabão que realmente é sensacional.




A propriedade higroscópica do cloreto de sódio ou sal, através de uma elevada hidratação na pele, ajuda a eliminar as células mortas,fazendo uma renovação celular sem o uso de abrasivos ( quando usado o sal marinho fino),deixando uma sensação de maciez e suavidade e restaurando o equilíbrio e umidade natural da pele.
Outro fator interessante, diz respeito a parte de limpeza espiritual, onde o sal, para muitas religiões e crenças, ocupa papel importante, servindo como um agente neutralizador de energias negativas.
Unindo essas informações, o sabão de sal pode ser visto como um completo agente de limpeza, corporal e espiritual.
sobre o sal na cosmética:
O sal marinho ou integral, após a evaporação da água, tem propriedades antifúngicas e antimicrobianas.Comercializado como sal grosso ou fino, é rico em minerais e contém alto teor de sódio que possui a capacidade de aliviar o cansaço e as câimbras musculares,auxiliando na eliminação de edemas e inchaços.
É importante não confundir o sal marinho fino com o sal refinado, que é tratado por processos químicos.


Minha versão do sabão de sal - 600g
Elaborado pelo processo frio e utilizando sempre formas individuais, para não ser preciso cortar, já que o sabão apresenta um índice de dureza elevado.

o. de oliva - 188g
o.palmiste orgânico - 65g
o.rícino-44g
manteiga de karité - 13g
extrato de aveia - 13g
sal marinho fino - 145g ( correspondente a 47% do peso total dos óleos da receita)
blend de óleos essenciais - 3% peso do sabão
hidróxido de sódio - 38g
água destilada- 99g
SE- 13%
concentração - 28%
Fazer de acordo com o processo frio e depois de alcançar a trace/traza , misturar os aditivos: SE (13g manteiga de karité + 27g o. de rícino), o extrato de aveia e o sal pouco a pouco, mexendo sempre,até a massa ficar homogênea,rapidamente acrescentar o blend de o. essenciais, mexer novamente e colocar nas formas individuais untadas com óleo vegetal.

Cobrir com um pano para manter o calor e deixar repousar por 24h.
Desenformar e deixar curar por 4 semanas em lugar arejado e principalmente seco, sempre virando os sabões para secar por igual.
Importante: depois do sabão já curado, embrulhar em papel filme de cozinha - PVC  para evitar que o sabão absorva a umidade do ambiente.

Esse sabão, para mim, tornou-se indispensável sendo um dos meus preferidos por suas características diferenciadas.




fontes sobre o sal: http://www.algarve-portal.com/pt/country/specialties/sea_salt/salt-health/
                                  http://www.vdeclair.com.br/prod.htm